En Portimâo, el Sporting Clube de Braga se juega mucho más que tres puntos este domingo...

Tremendamente decisivo el partido que este domingo, en Portimâo, juega el Sporting Clube de Braga. Tres puntos vitales para iniciar la ansiada remontada en la tabla desde posiciones impropias de un equipo que tiene el presupuesto más alto de la Liga portuguesa si exceptuamos a los tres de siempre...
El Braga lo ha hecho muy bien en Europa y francamente mal en la Liga. Toca ahora enderezar el rumbo. Una derrota en el Algarve sería una tragedia, sería todo un mes (hasta que se reanude el campeonato a fines de octubre) viendo al SCB en posiciones vergonzantes en la tabla. Y no solo eso, daría alas a los "anti-Sá Pinto" para montar el pollo que están deseando montar desde el día en que el entrenador fue contratado para dirigir al Braga.

Ganar, sí o sí, es la condición inevitable para este match que comienza a las 18:00 dominicales, hora portuguesa claro está, frente a un rival complicado y al que deberá jugar el Braga como si de un rival europeo se tratase. Cualquier exceso de confianza puede resultar caro.

En el site del Sporting Clube de Braga, el hombre de moda actualmente en el cuadro arsenalista, Palhinha, acaba de hacer unas declaraciones de indudable interés.

Palhinha
O SC Braga desloca-se ao reduto do Portimonense SC na sétima jornada da Liga NOS (domingo, 18 horas). Os Gverreiros do Minho procuram reencontrar-se com o caminho dos triunfos na competição e Palhinha confia na conquista dos três pontos.
O médio, 24 anos, garante que a formação comandada por Sá Pinto segue viagem para o Algarve com muita ambição e acredita que a próxima partida vai ser o início da recuperação na tabela classificativa.
A atravessar uma fase positiva na carreira, Palhinha mostra-se grato ao SC Braga pela forma como o clube tem sido importante na sua evolução como jogador.
No Algarve para ganhar:
“O SC Braga vai apresentar-se no jogo com muita vontade de vencer, ambição e espírito de entreajuda. Sabemos que o Portimonense SC é uma boa equipa, mas temos todas as condições para sairmos do Algarve com uma vitória”.
Gverreiros crentes na retoma:
“A confiança está em alta. Queremos somar uma vitória e vamos para o jogo com o Portimonense SC com a máxima motivação para fazermos deste jogo o ponto de partida para o recomeço de vitórias. Queremos recuperar os pontos que temos perdido, estamos confiantes e acredito que vamos conseguir a vitória”.
Fase para ultrapassar:
“Vamos encarar o jogo como se fosse uma final. Queremos muito conquistar os três pontos e estamos muito confiantes. Vamos dar tudo neste encontro, como temos dado nos anteriores. A equipa tem dado tudo, apesar de às vezes as coisas não correrem como pretendemos na Liga NOS. Mas é uma fase que tenho a certeza que vamos ultrapassar”.
Atenção a todas as provas:
“Damos atenção a todas as competições em que estamos inseridos. Os jogos da Liga Europa são diferentes dos da Liga NOS, pois na Liga NOS encontramos equipas que jogam com bloco muito mais baixo e por vezes não é tão simples desbloquearmos os adversários. Isso aconteceu em Setúbal e também contra o CS Marítimo. Depois, os adversários acabam por ir à nossa baliza e ter felicidade. Mas se a equipa continuar a crescer, o futuro vai ser risonho”.
Boa forma e gratidão:
“Tenho dado o máximo pela equipa, como sempre dei e vou continuar a dar. Estou muito agradecido ao SC Braga pelo que fez e faz por mim e enquanto estiver aqui vou o dar o máximo pelo clube, por tem-me ajudado a crescer. Não esqueço isso porque tenho um sentimento muito grande pelo clube”.
“O momento que atravesso é a valorização do meu trabalho. Estou a jogar e estou feliz. Sinto que as pessoas gostam de mim, sinto carinho da estrutura e dos adeptos desde que aqui cheguei e por isso estou muito grato por tudo o que tenho vivido até aqui”.